Shopping Sul cria campanha inusitada e se surpreende com o resultado

Por causa da campanha, o maior shopping da região do Entorno Sul – o Shopping Sul – consegue não somente evitar atos de vandalismo, como também realizar doações de cestas básicas para instituições carentes do município de Valparaíso de Goiás.

A pichação nos patrimônios públicos e privados sempre foi um problema antigo nas cidades brasileiras. Em Valparaíso de Goiás, por exemplo, não é difícil encontrar exemplos de muros, tapumes e bancos sofrendo com o vandalismo. Pensando nisso, o maior centro de compras da região, o Shopping Sul, decidiu lançar um desafio no mês de junho, cujo resultado foi surpreendente.

Por conta das obras de reforma que o centro comercial vem realizando nos últimos meses, era comum visualizar placas dos tapumes pichados quase que diariamente. “Era necessário fazer algo para acabar com o vandalismo e para reduzir os custos com constantes pinturas pós-pichação”, conta o gestor de Operações do Shopping Sul, André Bernardes. Com o objetivo de reverter essa realidade, o empreendimento decidiu lançar uma campanha desafiadora. Para isso, está comunicado nas placas avisando que, a cada 30 dias sem pichações, o Shopping Sul realizará doação de dez cestas básicas para uma instituição carente.

O resultado chamou a atenção. No final do mês, nenhum tapume de obras do Shopping Sul foi pichado desde o inicio da campanha – 1º de junho. “Em tempos de conflitos que temos vivido em nossas cidades, essa grata surpresa foi um alento para tantos que estavam se questionando quanto ao civismo das pessoas”, conta a coordenadora de Marketing do Shopping Sul, Fábia Antonelli.

A instituição que recebeu as doações do centro de compras foi o Recanto Cristo Vivo, da cidade de Valparaíso de Goiás, administrado pelo secretário, Alex Lucas. A instituição carente é responsável por cuidar de muitas crianças e realizar diversas atividades carentes com a população.

“É a primeira vez que realizamos este tipo de trabalho e pretendemos continuar nos próximos meses, pois o resultado traz benefícios para todos, seja para o patrimônio privado, para a aparência da cidade e para a instituição carente que recebe as nossas doações a cada etapa”, conta o gestor de Operações do Shopping Sul, André Bernardes.